• Emagrecer bebendo café todo dia?

  • Não é mito que o Café reduz o risco de Alzheimer,…

  • Como fazer Café Turco na Ibrik, Cezve

  • A verdade sobre a Cafeteira MOKA ITALIANA

últimos artigos

Como fazer café na Aeropress

Usando a lei da gravidade com esse brinquedo

Ops! não é brinquedo, a Aeropress é uma cafeteira que tem se destacado pela qualidade do café que extrai, os maiores amantes de café já deram um jeito de beber um café feito nessa cafeteira, nela se consegue obter quase todas as qualidades que obtemos num café espresso.



Foi criada pela Aerobie, uma indústria americana que ficou famosa no início dos anos 80 pela invenção de brinquedos que desafiavam a física, frisbee, bumerangues plásticos e afins, você que é da geração Stranger Things lembra-se do frisbee?

Então, foi Alan Adler que tornou esse brinquedo um negócio milionário nos anos 80 e hoje esse designer volta a ser reconhecido pela criação de sua Aeropress, minha preferida nos equipamentos para preparar um bom café.

 

Campeonato Brasileiro de Aeropress 2018

Esse brinquedo que não é brinquedo é tão diferenciado e entrega um café tão saboroso que ganhou um campeonato que já ultrapassou mais de 56 países, são muitos baristas e entusiastas de café que participam e sua informalidade tem conquistado milhares de amantes do café pelo mundo, em 2018 teremos o Campeonato Brasileiro de Aeropress em Brasília, na cervejaria Criolina no dia 8 de setembro com a AHA! cafés comandando os grãos!

Eystein Veflingstad é o autor da saga do Campeonato Brasileiro de Aeropress e segue com a 3a onda http://www.3aondacafe.com.br/  nas pickups do sucesso, fomentando o consumo, torrefações, treinamentos e tudo mais que liga café especial ao consumidor brasileiro.

 

#Dica Top!

Para o Aeropress que já é supereconômico no modo de preparo ainda tem uma dica extra aqui, usar o filtro de inox dá vida longa ao seu café e uma bebida ainda mais limpa! preservando todos os óleos essenciais.

Existem dois modelos de produto pode ser apenas o filtro mais fino que geralmente é o mais utilizado por se tratar de um padrão de granulometria ou então você poderá optar por um conjunto de três filtros para granulometrias variadas ou sobreposição de filtragem.

Onde comprar estes acessórios?

Existem diversos locais mas aconselho procurar casas especializadas em cafés, já temos isso em algumas cidades nas cafeterias que levam a sério o serviço de qualidade em cafés, entretanto posso indicar o site TROCODOCAFE.COM.BR que tem além do Hário V60 muitos outros métodos que ensinamos aqui.

Passo 1

Passo 2

Passo 3

Passo 4

Passo 5

Passo 6

Passo 7

Passo 8

Passo 9

 

É possível comprar em boas cafeterias e online através de alguns sites:

Como fazer café coado na Hario V60, o café filtrado da moda

Método de preparo de café com Hario V60

A volta dos cafés filtrados tem no método no de café filtrado Hario v60 um dos principais responsáveis pelo sucesso dos bons cafés. Quando entramos em cafeterias que tem profissionais bem preparados, logo percebemos que ali tem tomado espaço os métodos filtrados e existe todo um ritual sendo obedecido, como num momento de meditação ferramentas apropriadas, xícaras especiais, coadores diferentes, chaleiras com bicos mais finos e alongados, termômetros e balanças.

A pressa está presente em todos os lados e o acesso fácil a novas tecnologias trouxe um pouco de preguiça no ato de fazer café, o volume de venda de cafeteira elétrica devido aos preços baixos e essa pressa fez com que ao longo do tempo os cafés filtrados deixassem de ser feitos, em ambientes de cafeterias percebemos o saudosismo e aumento da venda de cafés filtrados, desde o filtro de pano até os mais diferentes, e aqui nesse post queremos ensinar Como fazer café na Hario V60.

Pontos fortes do café tirado na Hario V60

  • O Corpo do café utilizado no processo aparece;
  • Maior doçura e acidez cítrica são percebidos;
  • Mais óleos são preservados comparados a métodos similares;
  • Bebida limpa.

E logo o cliente se pergunta, para quê tanta frescura? Se o barista for questionado ele saberá responder, por vezes ele pergunta qual o método preferido do consumidor, a tática é conquistá-lo pela experiência sensorial, e posso dizer que vale a pena, há grandes diferenças entre cada método com o mesmo café.

Nesse artigo estamos apresentando o método filtrado Hario V60, seu suporte cônico lembra o filtro Melitta porém com o design na ponta menor do cone mais aberta e sulcos que viabilizam maior troca de oxigênio no processo, deixando a bebida descer de maneira mais linear e aerada ao passar pelo pó que deve ter a granulometria próxima a do grão de areia fina ou entre açúcar cristal e sal.

Escolha um café de boa procedência, dê preferência a cafés gourmet ou especiais, nem todo arábica é perfeito e nem todo conilon/robusta é ruim, geralmente os cafés de origem única são melhores, cereja descascado e grãos de colheita seletiva podem ser considerados bons cafés, dificilmente encontramos cafés assim em supermercados.

Onde comprar estes acessórios?

Existem diversos locais mas aconselho procurar casas especializadas em cafés, já temos isso em algumas cidades nas cafeterias que levam a sério o serviço de qualidade em cafés, entretanto posso indicar o site TROCODOCAFE.COM.BR que tem além do Hário V60 muitos outros métodos que ensinamos aqui.

Passo 1

Passo 2

Passo 3

Passo 4

Passo 5

Passo 6

5 dicas para preparar um bom café, a 3 vai fazer seu café irresistível

Essas dicas vão garantir que seu café fique cada vez melhor e as pessoas vão sempre te procurar pra tomar um bom café assim que você começar a colocar elas em prática no seu dia-a-dia, fazendo café no escritório ou em casa.

#1 Água filtrada ou mineral

Sem água não temos café e 98% da bebida vem da água, se a água não for de boa qualidade o café também será de má qualidade, por melhor que seja o tipo do café escolhido.

Essa água deve ser filtrada ou mineral (o cloro influencia diretamente na acidez natural do café).

Não é bom que o café seja passado com a água em uma temperatura acima de 96 graus celsius, se ferver a água deixe descansar por aproximadamente um minuto até que a água fique oxigenada novamente.

Já existe em São Paulo cafeteria com uma sessão especial de degustação de café com águas diferentes, assim o consumidor que deseja ir mais longe no aprendizado poderá provar os diversos resultados.

 

#2 Café especial

O grão bem tratado desde a planta nos fornece uma bebida refinada, o café é uma fruta e os cuidados desde a lavoura, colheita seletiva, secagem correta, torra perfilada com respeito ao grão maduro resultam no que chamamos Café Especial ou Premium, geralmente são bebidas que não causam azia, dores estomacais ou até dor de barriga.

Procure adquirir café em casas especializadas, cafeterias ou torrefadoras artesanais com qualificação, apenas saber que um café arábica é melhor não define se realmente o que você está preparando em casa é um café que foi bem tratado.

Torra muito escura pode estar disfarçando um café ruim e mal colhido, pó moído parecendo talco também pode mascarar um mal café e o aroma de café velho pode ser percebido facilmente.

A indústria tem apego ao lucro e não gosta de desperdiçar peso na saca, portanto quando levam o grão para secagem, muitos fragmentos de casca, folhas entre outras coisas podem acompanhar o produto.

 

#3 Grão moído na hora

Adquira o café em grão se você tiver acesso a algum moinho, hoje podemos comprar moinhos elétrico compacto, moinho manual e está cada vez mais barato adquirir um em lojas de comércio eletrônico as marcas mais vendidas são cadence, cuisinart, hario entre outros.

O uso é simples e torna seu café extremamente saboroso, fica sensível no paladar todo aroma do grão torrado. Se você não puder adquirir de imediato um moinho procure comprar cafés torrados no mês da compra, o café depois de torrado começa a perder sua essência em 30 dias.

A liberação de óleos, aromas, acidez e doçura ocorrem muito melhor se for moído instantes antes de ser filtrado, um exemplo disso vemos nas cafeterias que tem ao lado da máquina de café espresso moinhos calibrados inclusive para o tipo de grão que utilizam.

 

#4 Pré-infusão

Toda bebida quente que utiliza o café ou erva desidratada como substrato deve ser embebida com água bem quente para reidratação que vai liberar os óleos essenciais, deixe essa hidratação acontecer por 30 segundos e no momento de passar a água, todo sabor, doçura, acidez e amargor serão liberados, tendo um maior aproveitamento da bebida.

Aproveite essa espera para escaldar os recipientes, jarras, xícaras e filtros com água quente para retirar qualquer sabor e cheiro de papel ou de café velho.

 

#5 Beber só ou acompanhado

Ao sentar para saborear sua bebida você nunca estará só se considerar que pode fazer disso um hábito, um ritual. A terceira onda do café traz um conceito de preparo da bebida como um ritual, algo a ser respeitado e aproveitado ao máximo.

O café é uma bebida que tem esse conceito de bater um papo, interagir, chamar os amigos pra jogar conversa fora ou simplesmente conviver, vamos tomar um café?

 

Conte-nos como foi sua experiência ao seguir essas dicas.

Como fazer café na Kalita Wave dripper

Acordar cedo e fazer calmamente seu café preferido no método escolhido, dos rituais da terceira onda do café um dos mais charmosos é o japonês Kalita Wave dripper que usa um filtro de papel ondulado com sua base chata, após a percolação calmamente a bebida é filtrada passando por três furos na base do suporte, são três ou quatro pulsos de água acrescentados calmamente sobre o pó já hidratado na pré-infusão.

 

O resultado é uma bebida limpa e suave, com um buquê que revela os principais atributos do café escolhido, se utilizado com a moagem correta e saturação de água na medida.

Durante um encontro de minicupping entre 12 cafés fizemos uma escolha e o café da mesa foi o grão usado nessa receita praticada pelo barista Dajo Aertssen @fazenda_dajo, lá na França ele utiliza 6% de café para a dosagem da receita, essa proporção dá um café leve e aromático.

Assista ao vídeo de preparo do café na Kalita por Dajo Artssen

Grão utilizado:
Café da Ethiópia – Kochere, variedade: heirloom mixed washed beans

Método:
Kalita Wave 155 papel natural.
Moagem: Média fina
Dosagem: 15g)
Água: 92ºC
Bloom: 30s @ aprox.18g
3 Pulsos de: aprox. 70g–80g
Duração: aprox. 3min @ aprox. 250g

Bulletproof coffee, um café a toda prova

O café do verão de 2017 chegou para ficar, o bulletproof coffee ou butter coffee bebida preferida da turma do treino crossfit, afinal se beber café já é bom imagina então quando essa bebida vem acrescida da possibilidade de auxiliar no emagrecimento?

Imagina você beber o café a prova de balas! e ter a sensação de saciedade aumentada, ter clareza mental e foco melhorados, e ainda aumentar a queima de gordura, melhorar sua energia corporal tornando maior a sua resistência e ainda de quebra manter um sabor diferenciado.

 

Como funciona?

O tecido adiposo que está em descanso precisa ser despertado, e ao ingerir a cafeína logo cedo despertará essas gordurinhas já que o café é termogênico e promovendo uma enzima conhecida por fosfodiesterase, porém ele sozinho não traz o emagrecimento. A gordura ativada servirá de energia para a atividade física, ou seja, graças ao café sua carcaça terá mais gordura disponível preparada para a queima.

O óleo de coco tem triglicérides de cadeia média que promovem a termogênese, aumentando o metabolismo e faz sentir menos fome, que consequentemente faz emagrecer após atividades físicas, já a manteiga com sua gordura saturada alimenta seu corpo.

E o café? Preciso lembrar que tem aroma bom, diversos minerais e óleos essenciais e ao beber um café você ativa partes do cérebro ligadas ao prazer, uma má experiência com a bebida não faz do café uma bebida ruim, se você quer usar isso como desculpa para não experimentar, aconselho a perder logo o preconceito, afinal, existem provas de pessoas que perderam mais de 70 quilos fazendo suas dietas acompanhadas por nutricionistas e médicos que aconselham adicionar o bulletproof coffee no dia a dia.

ps: ainda existem muitas dúvidas sobre todos os benefícios do óleo de côco e seus diversos usos, não nos responsabilizamos pelo excesso de consumo e inserção nas dietas ou costumes diários.

Receita:

Manteiga sem sal – 1 colher
Café especial – porção da bebida 200ml
Óleo de côco – 2 colheres

Misture bem ou até pode passar no processador para dar maior cremosidade a bebida, beba preferencialmente sem adição de açúcar, saiba outras dicas de como preparar um bom café.